sns-container
SNS-Print

INEM substitui parte da frota com 20 novas ambulâncias.

O Instituto Nacional de Emergência Médica (INEM) começa esta terça-feira, dia 9 de abril, a distribuir as novas ambulâncias que vão substituir parte da sua atual frota. No total, são 20 novas viaturas que vão renovar parcialmente a frota de 56 Ambulâncias de Emergência Médica e 40 Ambulâncias de Suporte Imediato de Vida, que se encontram 24 horas por dia ao serviço da emergência médica.

Os novos veículos entram ao serviço em diversas zonas do país, ficando afetas:

  • Oito à Delegação Regional do Norte do INEM;
  • Quatro à Delegação Regional do Centro;
  • Seis à Delegação Regional do Sul;
  • Duas vão reforçar a atividade de emergência médica na área de influência da Delegação Regional do Sul – Algarve.

 

Estão adicionalmente a ser preparadas duas novas viaturas para, brevemente, reforçarem as Ambulâncias do INEM afetas ao serviço de Transporte Inter-hospitalar Pediátrico do INEM. O investimento do INEM na aquisição destas 22 novas viaturas foi de 1.055.340 euros.

As novas viaturas vão entrar gradualmente ao serviço no decorrer do mês de abril, substituindo as Ambulâncias do INEM com mais quilometragem, ou que tenham revelado mais problemas mecânicos. A entrada ao serviço destes novos veículos vai ainda possibilitar uma maior margem para substituições momentâneas de Ambulâncias que se revelem necessárias.

De acordo com o INEM, um meio de emergência médica é muito mais do que uma viatura sobre quatro rodas: é na realidade um instrumento para salvar vidas, já que se espera que o tratamento às vítimas de acidente ou doença súbita comece ainda antes da chegada à unidade de saúde, ou seja, no local da ocorrência e na célula sanitária da ambulância.

Para saber mais, consulte:

INEM > Vinte Novas Ambulâncias do INEM entram em funcionamento

 

Voltar

Últimas Notícias

O Regulamento visa agilizar a avaliação de ensaios clínicos na UE.
18/04/2019
Europa celebra data, 18 abril, alertando para os direitos dos doentes.
18/04/2019
Secretária de Estado da Saúde acompanhou a partida da nova equipa.
18/04/2019