sns-container
SNS-Print

Obra de construção do novo hospital em Évora já arrancou.

A obra de construção do novo Hospital Central do Alentejo, em Évora, num investimento total de cerca de 210 milhões de euros, já arrancou, com a preparação do terreno.

A informação foi avançada pelo Presidente da Administração Regional de Saúde (ARS) do Alentejo, José Robalo, que referiu que «já tiraram as árvores que estavam na zona de implantação do hospital» e que, na segunda-feira, dia 25 de outubro, começa «a desmatação e decapagem do terreno».

O responsável adiantou que a empresa Acciona, que vai construir o novo hospital, já colocou no local «dois contentores de apoio» aos trabalhos em curso e, «dentro de pouco tempo», vai instalar o estaleiro e iniciar as obras relativas às fundações.

Segundo a ARS do Alentejo, o projeto do novo hospital envolve um investimento total de cerca de 210 milhões de euros, já que, aos cerca de 180 milhões da construção, se juntam perto de «mais 30 milhões» para «equipamento de tecnologia de ponta».

O concurso público relativo à empreitada foi ganho pelo grupo espanhol Aciona, em abril do ano passado, tendo a construção sido adjudicada à empresa pela ARS em novembro desse ano e consignada no passado mês de julho.

A futura unidade hospitalar vai ocupar uma área de 1,9 hectares e ter uma capacidade de 351 camas em quartos individuais, que pode ser aumentada, em caso de necessidade, até 487.

Com 30 camas de cuidados intensivos/intermédios e 15 de cuidados paliativos, a nova unidade vai ter, entre outras das valências, 11 blocos operatórios, três dos quais para atividade convencional, seis para ambulatório e dois de urgência, cinco postos de pré-operatório e 43 postos de recobro.

Voltar

Últimas Notícias

Mais de 58 mil pessoas receberam dose de reforço em 24 horas
07/12/2021
DGS recomenda vacinação para crianças dos 5 aos 11 anos.
07/12/2021
Serviços de Patologia Clínica e Imunohemoterapia certificados.
07/12/2021