sns-container

Reserva Estratégica de Medicamentos e Dispositivos

 

Atendendo à atual emergência de saúde pública de âmbito internacional, e à classificação, no dia 11 de março de 2020, da doença COVID-19, pela Organização Mundial de Saúde, como uma pandemia, importa adotar medidas e regimes excecionais de contingência e de resposta à epidemia SARS-CoV-2 e à doença COVID-19. Dentro destas, encontram-se as necessidades de aquisição de bens e equipamentos, como são exemplo, com especial premência, os ventiladores, os equipamentos de proteção individual ou o material de apoio ao diagnóstico que envolvem quantidades substanciais e montantes financeiros elevados, num contexto de mercado internacional fortemente condicionado por uma generalizada e crescente procura e, ao mesmo tempo, de diminuição de produção e de constrangimentos à circulação dos bens.

Assim sendo encontra-se constituída uma Reserva Estratégica de Medicamentos e Dispositivos, que inclui medicamentos para as necessidades para a pandemia bem como medicamentos experimentais em uso nos hospitais SNS. A reserva encontra-se de forma descentralizada junto dos hospitais SNS e de forma centralizada pelo Infarmed e Laboratório Militar de Produtos Químicos e Farmacêuticos.

Para corresponder às dimensões críticas das políticas de saúde, e por forma a cumprir a missão de transparência, a resiliência e a capacidade de resposta, pode encontrar em baixo os dados relativos à Reserva Estratégica de Medicamentos e Dispositivos, atualizados mensalmente.

Mais informações:

Data de Atualização: 26-08-2020
Voltar